MENSAGEM DE SOLIDARIEDADE DO GOVERNO GERAL DA ORDEM
Notícias
            Informações             Notícias             MENSAGEM DE SOLIDARIEDADE DO GOVERNO GERAL DA ORDEM
13/11/2019 OFM Notícias MENSAGEM DE SOLIDARIEDADE DO GOVERNO GERAL DA ORDEM
A+ a-
"O fruto da justiça será a paz, o fruto da equidade, uma segurança perpétua. (Is 32.17)"

Nas últimas semanas, assistimos a uma série de eventos político-sociais que ocorreram na América Latina, particularmente no Equador, Chile e Bolívia, e principalmente no Líbano, entre outros países do Oriente Médio, que também passam por momentos de dificuldade Tais fatos explicam a insatisfação de grande parte da população com o sistema político ou com o sistema econômico (Cf. Evangelii Gaudium n.60) - ou ambos - nos respectivos países. Mas, acima de tudo, o descontentamento e a frustração são aumentados pela desigualdade, iniquidade e corrupção: o "câncer social" como o chamou o Papa Francisco.

As pessoas - sem medo - foram às ruas para expressar publicamente seu descontentamento e reivindicar dignidade. Em algumas ocasiões, foram desencadeados atos de violência entre manifestantes e forças de segurança. Testemunhamos saques e destruição de lojas comerciais, organizações públicas e religiosas, mas o que mais nos machuca e nos preocupa é a violência contra tantos homens e mulheres, a violência que levou à perda de vidas. Preocupa-nos que a violência e a repressão sejam normalizadas como um meio de resolver o conflito. “A alegria de viver costuma sair, o desrespeito e a violência crescem, a desigualdade está se tornando cada vez mais evidente. Devemos lutar para viver e, muitas vezes, para viver com pouca dignidade ”(Cf. EG n.52)

Convidamos todos os atores envolvidos, especialmente os governos eleitos democraticamente, a viver de acordo com as circunstâncias, incentivando o diálogo e a reunião. Incentivamos nossos irmãos franciscanos e a Família Franciscana a orar e se envolver ativamente com o povo nas justas demandas, abrindo nossas paróquias, conventos, escolas e santuários à oração compartilhada, diálogo criativo, busca sincera e sem prejuízo da paz; recordemos que  "a Igreja "em saída" é uma Igreja com as portas abertas" (Cf. EG. 46)

Nossa espiritualidade franciscana constantemente nos convida a ser pontes, porpulsores e gestores do diálogo; construtores da humanidade. Ouvimos como os irmãos do Chile e da Bolívia se envolveram nos processos sociais das últimas semanas. Nós os encorajamos a continuar acompanhando e sustentando os mais fracos da sociedade. Como Definitório geral, estamos com vocês e com todas as pessoas de boa vontade que buscam uma sociedade mais justa e fraterna.

Em Roma, em 11 de novembro de 2019.

 

  • Fr. Julio César Bunader, OFM
  • Vigário Geral

Prot. MG 160/19

Nome:
E-mail:
E-mail do amigo:
DEIXE UM COMENTÁRIO
Notícias
                  
Receba as notícias e artigos da Província Santa Cruz. Cadastre seu e-mail...
Seth Comunicação